Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Prazo decorre até 10 de março

 

Os interessados em ingressar na Universidade do Minho através do concurso especial para maiores de 23 anos podem inscrever-se nas respetivas provas até 10 de março. O concurso destina-se a indivíduos maiores de 23 anos sem habilitação de acesso ao ensino superior, conforme o Decreto-Lei nº 64/2006.

 

A prova obrigatória de Língua Portuguesa é a 17 de maio e as provas específicas, que variam consoante o curso pretendido, são a 14 de junho. Há ainda uma prova de apreciação curricular e de entrevista entre 24 e 26 de julho, sendo as pautas de classificação final afixadas a 31 de julho.

 

As inscrições decorrem no Gabinete de Apoio ao Acesso, situado nos Serviços Académicos dos campi de Gualtar (Braga) e Azurém (Guimarães). Deve ser entregue o boletim de candidatura, a fotocópia do documento de identificação e o currículo académico e profissional, incluindo certificados de habilitação e/ou formação, publicações, bem como comprovativos de eventual atividade profissional, ações de ordem associativa e participação em conferências, entre outros.

 

Mais de 50 cursos ao dispor dos novos públicos

 

A UMinho tem ao dispor mais de meia centena de cursos para maiores de 23 anos, abrangendo as Escolas de Arquitetura, Ciências, Direito, Economia e Gestão, Engenharia, Psicologia e os Institutos de Ciências Sociais, de Educação e de Letras e Ciências Humanas. Mais informações pelo portal alunos.uminho.pt, email m23@saum.uminho.pt ou telefone 253604590.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 23:46


O GDC Serafão vai jogar à Suiça

por JORNALdeFAFE, em 23.02.17

16839402_1847378002170782_756805242_n.png

O GDC Serafão vai praticipar pela primeira vez com 2 equipas no torneio do Centro Lusitano de Zurique, nos dias 10 a 13 de Março, na Suiça. Durante o final de semana, realizar-se-á um convívio de serafonenses no sábado, nas comemorações do 33º aniversário do Centro Lusitano, e no domingo o torneio.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:34

José Ribeiro tira a confiança política a Raul Cunha

A guerra entre o PS Fafe e PS Nacional estão longe de terminar. Em conferência de imprensa, José Ribeiro informa a retirada da confiança política ao Presidente da Câmara, Raul Cunha, e em breve reunirá com os Vereadores socialistas para que tomem uma decisão: «Se são militantes da Secção de Fafe do PS ou se se hipotecam ao PS de Lisboa nesta divergência».

psfaf.bmp

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:37


A adrenalina do Rally está em Fafe

por JORNALdeFAFE, em 22.02.17

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:31

IMG_2161.JPG

 O prémio Dr. Maximino de Matos, instituído pelo Município de Fafe, destinado a premiar o aluno de Fafe finalista em Medicina com a melhor média, será entregue durante as comemorações do 25 de Abril à jovem médica de Regadas Marta Filipa Lemos Mendes, que concluiu o Mestrado Integrado em Medicina na Universidade Nova de Lisboa, com média superior a 16 valores, e obteve a média mais alta dos quatro jovens médicos fafenses que concorreram.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:16

Joana Barbosa - Sofia Mouta - Fafe.jpg

 

Joana Barbosa e Sofia Mouta tiveram uma estreia muito positiva aos comandos do Ford Fiesta R2 no Rali Serras de Fafe que deu início a mais uma temporada da modalidade em Portugal.

Para além da estreia com este carro, foi também a primeira prova de fogo da dupla de Braga em ralis em pisos de terra, pois nunca tinham corrido neste tipo de superfície.

Apesar de um pequeno azar no final do primeiro dia, Joana Barbosa considerou que este primeiro desafio: “Muito positivo e a evolução foi sempre uma constante. Tanto eu como a Sofia Mouta fomos evoluindo de classificativa para classificativa”, avança, complementando: “Houve momentos muito engraçados no rali, uns melhores e outros piores. No primeiro dia, na passagem pela sexta especial, ficamos presas na lama e não conseguimos retirar o carro de lá. Tivemos que desistir e regressar no segundo dia em sistema de Super Rali”.

Mesmo assim, a piloto bracarense, não esmoreceu e terminou a prova no sexto lugar do Grupo RC4: “De qualquer forma, fizemos quase toda a prova, faltando apenas as Super-Especiais do final do dia de sábado”.

Em termos de balanço final, Joana Barbosa não hesita em considerar que adorou: “Esta estreia a correr em pisos de terra. Penso que foi muito positiva. Foi uma ótima estreia para a experiência. Reconheço também que é uma prova muito dura, requer mais esforço físico que uma prova em asfalto, mas correu tudo bem e saímos de Fafe muito satisfeitas”, concluiu a piloto apoiada por, Stock-Car, Ford, Cofidis, Ford Motorcraft e Del Mar Village.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:35


AVISO RALLY SERRAS DE FAFE | CORTE AO TRÂNSITO

por JORNALdeFAFE, em 15.02.17

Rali de Portugal.jpg

Foto DR

Informamos que a EN311, no Confurco, estará cortada ao trânsito:
Sábado, 18 Fevereiro – entre as 13h50 e as 19h00
Domingo, 19 Fevereiro – entre as 8h30 e as 12h30

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:40

16711774_577029135821914_7441167229798278289_n.jpg

COMUNICADO

 

O Secretariado do PS-Fafe, na decorrência de anteriores comunicações públicas, vem tornar público o seguinte:
1-Tendo há cerca de mês e meio solicitado uma reunião com o nosso secretário-geral, sem que tal tenha sido concedido;
2-Tendo-se,em conformidade, anunciado a nossa firme intenção de impugnar a decisão da Comissão Política Nacional de avocação do processo eleitoral autárquico de Fafe, caso essa reunião não acontecesse ou fosse inconsequente;
3-Tornamos hoje público que a referida impugnação dará hoje entrada na sede nacional, dirigida à Comissão Nacional de Jurisdição (órgão da justiça interno), com os fundamentos da sua ilegalidade e mesmo inconstitucionalidade, pelo que deve ser por si anulada.
4-Reclamamos a maior celeridade na sua apreciação e julgamento, por forma a não prejudicar ulteriores desenvolvimentos deste processo.
5-Aproveitamos este ensejo para, igualmente, tornar público, que demos oportunamente conhecimento desta impugnação à secretária-geral-adjunta, bem como, recentemente, ao nosso secretário-geral.
6-Esclarecemos ainda que, por nossa iniciativa e persistência, ocorreu um encontro entre o Presidente da Comissão Política, o Presidente da Federação e o secretário-geral, na passada 5ªfeira, em Pevidém, num jantar de autarcas, donde saiu o compromisso do secretário-geral da promoção breve de uma reunião com as partes interessadas.
7-Reiteramos,uma vez mais, apesar de mantermos total abertura para o diálogo e procura de soluções, a nossa firme determinação de fazer cumprir a decisão da CP/Fafe, de 17/12/16 e levar até às urnas a candidatura do camarada Antero Barbosa.

Fafe,13 fevereiro de 2017

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:44

JoséManuelFernandes - EP1.jpg

 

Eurodeputado Francisco Assis faz apresentação da obra que José Manuel Fernandes dedica anualmente a assuntos europeus e ao Minho

 

Os novos grandes desafios da União Europeia e o ‘Plano Juncker’, a par de uma visão sobre a realidade da região, são os temas centrais da publicação “Pela Nossa Terra – Minho 2017”, da autoria do eurodeputado José Manuel Fernandes, que é apresentada publicamente na próxima sexta-feira, dia 17, a partir das 18h30, na Casa das Artes, em Vila Nova de Famalicão.

No evento que conta com a participação do presidente da Câmara de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha, a apresentação da publicação está a cargo do deputado ao Parlamento Europeu e cabeça-de-lista do PS nas últimas eleições europeias, Francisco Assis.

Com a concretização desta publicação "Pela Nossa Terra - Minho 2017", José Manuel Fernandes sublinha a convicção de que “é com cidadãos informados, envolvidos e empenhados que podemos aproveitar as oportunidades, vencer os desafios e aspirar à construção de um presente mais justo, sustentável e capaz de garantir um melhor futuro”.

Ao longo das 288 páginas da publicação, o autor assume o objetivo de “disponibilizar informação, suscitar o interesse e provocar a reflexão sobre matérias relevantes para a atualidade da União Europeia e da nossa região”. Entre os temas europeus focados estão o caso do Brexit e as suas implicações, o Fundo Europeu para Investimentos Estratégicos(FEIE) – o chamado 'Plano Juncker' – e a realidade orçamental da UE.

Numa altura em que – como refere o autor na obra – “atingimos o ‘pico’ do movimento global nacionalista” e em que “o mundo está cada vez mais imprevisível e perigoso”, José Manuel Fernandes avisa que este “este é o momento da UE unir-se”.

Relator do Parlamento Europeu para o reforço do FEIE, o eurodeputado aponta o 'Plano Juncker' como “um exemplo objetivo da capacidade da União Europeia em encontrar respostas e mecanismos comuns para superar as dificuldades”. E destaca a “oportunidade” que este fundo “representa para Portugal e para a região do Minho”, onde tem “incentivado a união de vontades e a parceria de projetos e candidaturas”.

Nesta publicação - que fornece informação sobre todos os concelhos e freguesias do Minho, incluindo os autarcas do município e os presidentes de Junta -, são ainda citados números sobre a imigração nos concelhos e atividades ligadas ao setor da construção no Minho, onde a diminuição de procura ao nível da habitação familiar se tem verificado de uma forma generalizada nas nossas freguesias.

Relativamente às informações sobre o Minho, ressalta que os números do INE sobre o envelhecimento da população e a diminuição demográfica, “dois grandes desafios que a Europa e Portugal enfrentam e aos quais a Estratégia Europa 2020 procura também dar resposta”, abrange “de forma transversal concelhos mais urbanos e mais rurais”. Em quatro anos, o Minho perdeu quase 20 mil pessoas entre a população residente, sendo o fenómeno agravado pela baixa natalidade. A imigração também não ajudou a travar o fenómeno de perda de população no Minho, com o número de estrangeiros que pedem residência na região a cair.

Nesta publicação de edição anual - e que no Minho foi lançada em 2011, sendo esta a sétima edição –, são igualmente partilhadas informações de agenda e respetiva calendarização, onde se incluem as festas e romarias da região, as comemorações dos dias internacionais e citações de diferentes autores, juntamente com definições do "Dicionário de Termos Europeus" - uma obra em permanente atualização e que é coordenada pelo também eurodeputado socialdemocrata Carlos Coelho.

 

Outras publicações

Refira-se ainda que o lançamento desta obra “Pela Nossa Terra – Minho 2017” marca o arranque de um conjunto de três apresentações públicas de obras assinadas pelo eurodeputado José Manuel Fernandes

Para o próximo dia 22 está agendada a apresentação do livro “A Economia Social em Portugal”, uma obra editada e coordenada por José Manuel Fernandes e que aborda “necessidades, perspetivas e fontes de financiamento para as instituições de solidariedade social”, contando também com contributos de vários co-autores: Eduardo Graça, Jorge Sá, Filipe Simões dos Santos, Carlos Azevedo, Miguel Alves Martins, Luís Alberto Silva, Filipa Pires de Almeida, Manuel Lemos e Lino Maia. A apresentação terá lugar às 18h00, na Santa Casa da Misericórdia do Porto, e estará a cargo do eurodeputado Paulo Rangel e do comissário europeu Carlos Moedas.

Da autoria do eurodeputado é ainda a publicação “Pela Nossa Terra – Trás-os-Montes 2017”, uma obra desenvolvida nos moldes da edição dedicada ao Minho, mas dedicada aos distritos de Bragança e Vila Real, que será apresentada no próximo dia 24, em Vimioso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:28

coligação2017.jpg

Raul Cunha não pode aceitar a demissão dos Vereadores do PSD

 

É mesmo o interesse de Fafe que está em causa?

 

O meu último artigo “Fafe precisa de outras políticas” não foi mais do que uma análise aos jogos de bastidores que estão a acontecer e que fazem as delícias novelísticas de qualquer espetador. Cheguei a comentar que só voltava à política mais ativa no dia a seguir às próximas autárquicas, mas não me poderei demitir dos meus deveres cívicos enquanto cidadão fafense.

Ao contrário de toda a gente, parece-me, não concordo em nada com um final de mandato sem uma coligação firme e coesa. Ora vamos lá refletir:

1 – Raúl Cunha estabeleceu uma coligação com o PSD para garantir estabilidade (eu fui contra na altura);

2 – As relações correram bem e é reconhecido por toda a gente que a Câmara foi aberta finalmente às pessoas;

3 – Numa altura em que se fala em novas eleições, depois das guerras do PS, Raúl Cunha faz um acordo com os Independentes para conseguir ter suporte para ir a eleições;

4 – O PSD revela que já havia um acordo com os Independentes;

5 – Vereadores do PSD pedem demissão (o caminho mais óbvio e acertado, mas deve ser ponderado, afinal, os Vereadores fizeram a diferença, ainda que mesmo nos seus pelouros haja muito a fazer. Por exemplo, as pessoas pedem uma licença e em vez de chegar a autorização, aparece uma carta/ofício do Vereador a dizer que está no engenheiro, mas as pessoas só querem o veredito e não burocracias… logo, é preciso levar tudo até ao final. Em Cantanhede uma licença só demora 1 mês e não 10 como em Fafe);

6 – Parcídio fala que pensava que era para se manter um acordo com a coligação na intervenção na última reunião da Câmara;

7 – Raúl Cunha se teve um mandato tranquilo, deve-se em muito à lealdade e trabalho dos elementos do PSD;

8 – Para o melhor para Fafe, metam-se as mãos às consciências, Raúl Cunha tem de segurar os elementos do PSD até ao fim, até porque esse é um compromisso com Fafe;

9 – Se o objetivo é mesmo Fafe, Raúl Cunha tem de convidar e incluir o PSD neste acordo a apresentar-se às próximas eleições;

10 – Uma proposta de lista:

1-      Raúl Cunha

2-      Parcídio Summavielle

3-      (Vereadora?)

4-      José Baptista

 

Nota: As eleições não estão ganhas. Todos devem limar as crispações de última hora e concentrar-se em Fafe. Se não conseguirem, demitam-se todos. Fafe tem de estar em primeiro!

Pedro Sousa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:09

Pág. 1/3




Like box


Mais sobre mim

foto do autor




calendário

Fevereiro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D


subscrever feeds