Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




19442050_1377579402289518_6489455043246737291_o.jp

 

19510320_1377659942281464_4086776286614579837_n.jp

 

Foi apresentado, esta manhã, o projecto para a construção do novo Canil Municipal de Fafe.

O novo abrigo está localizado nos terrenos da antiga estação de tratamento de afluentes, onde actualmente funciona a Associação da Petanca, e compreende, numa primeira fase, a construção de 40 boxes (módulos) para abrigos de animais.

Cada box tem três compartimentos com um abrigo, um recreio abrigado e um recreio comum. Este novo espaço terá também um espaço para manutenção do Canil e também para o armazenamento.

Recorde-se que este foi o projecto vencedor do Orçamento Participativo (no valor de 75 mil euros), lançado em 2016, pela Autarquia, e que reuniu a maioria dos votos (3925).

Visa resolver, sob a forma de alojamento animal condigno, a questão do crescente número de cães abandonados e errantes existentes em Fafe. Pretende proporcionar uma alternativa ao atual canil municipal, com melhores condições para os animais que são acolhidos.

Durante a sessão, foi ainda assinado o Protocolo de colaboração entre o Município de Fafe e a Associação de Defesa dos Direitos dos Animais e Floresta (ADDAF), atualmente responsável pelo trabalho de voluntariado junto do Canil Municipal. Através do Protocolo, o Município compromete-se a comparticipar as ações desenvolvidas pela ADDAF, na melhoria das condições para a estadia dos animais no Canil Municipal, mediante um apoio financeiro de 16 mil euros.

A Câmara Municipal vai continuar a fazer a recolha de animais errantes, entregando-os no Canil e suportando os custos do fornecimento de água, luz e recolha de lixos das instalações. Da mesma forma, o Município cede e vai continuar a emprestar, sempre que necessário e solicitado pela Associação, o veículo adquirido para transporte de animais.

A ADDAF tem, ao longo de vários anos, garantido a realização de campanhas de adoção responsável e promovido ações de esterilização, que são fundamentais no combate à superpopulação dos animais e seu abandono. Tem igualmente melhorado a limpeza dos espaços do Canil e da área envolvente, gerindo a alimentação e administração de medicação prescrita pelo Veterinário Municipal.

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, destacou “o passo importante que estamos a dar para a construção do novo canil. Numa primeira fase, iremos construir estes 40 módulos para abrigar os animais e, em breve, daremos continuidade à obra.

Embora a construção deste novo canil não resolva o problema do abandono crescente dos animais, ajuda a melhorar, significativamente, as condições, qualidade e conforto dos animais acolhidos no canil.”

O autarca mostra-se satisfeito pela assinatura do Protocolo de Colaboração com a Associação de Defesa dos Direitos dos Animais e Floresta, “que tem feito um excelente trabalho em prol da dos animais no Canil Municipal. Este Protocolo surge como um reconhecimento público do esforço dos voluntários e do valor do mesmo para o Município e ao nível do bem-estar animal.”

Angélica Oliveira, Presidente da ADDAF, revelou “que este este é um bom início para podermos trabalho em conjunto. Embora haja alguns pormenores que devem ser afinados, este é um importante passo.

Este é um bom projecto. Precisamos, contudo, que ele cresça, porque, infelizmente, são cada vez mais os animais que nos são deixados e as adopções tem vindo a diminuir.”

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:39




Like box


Mais sobre mim

foto do autor




calendário

Junho 2017

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D