Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Atividade na Escola de Ciências da Saúde da UMin

 

 

As Escolas de Ciências, de Ciências da Saúde e de Engenharia da Universidade do Minho estão de portas abertas na 15ª Semana Nacional da Ciência & Tecnologia. O extenso programa de iniciativas convida mais de 1200 alunos do pré-escolar ao secundário, bem como o público em geral a explorarem de perto a ciência que se faz na UMinho, em Braga e Guimarães, quem são os seus cientistas, como trabalham e que resultados obtêm.

 

Os laboratórios e departamentos da Escola de Ciências recebem de segunda a quarta-feira mais de 500 crianças e jovens em atividades experimentais, palestras e exposições, o que é já uma tradição nas celebrações desta semana. A Comissão de Interação com a Sociedade desta Escola e o grupo STOL - Science Through our Lives têm ainda três iniciativas na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva: a tertúlia “Ciência por palavras” junta quarta-feira os seus cientistas para um serão de conversa; no sábado, dia 29, crianças dos 6 a 10 anos exploram com as suas mãos vários contextos científicos; e há também, até 9 de dezembro, a mostra “De que é feita a Ciência”, composta por 12 imagens, cada uma construída a partir de um objeto usado em laboratório.

 

A Escola de Ciências da Saúde e o ICVS - Instituto de Investigação em Ciências da Vida e Saúde abrem os laboratórios na quarta e sexta-feira a mais de 400 alunos do pré-escolar, básico e secundário, vindos de Braga, Famalicão, Barcelos, Guimarães e Amarante. Os participantes vão ser médicos e cientistas por um dia, pesquisando a separação das cores primárias por cromatografia, novas tecnologias de imagem na cirurgia, a articulação dos cinco sentidos, os efeitos nocivos da radiação solar, o diagnóstico molecular de uma infeção, o suporte básico de vida e o treino cirúrgico. Mais do que ver, vão fazer.

 

O Centro de Engenharia Biológica faz a sua estreia na Semana C&T. De segunda a sexta-feira, mais de 300 estudantes do 1º, 2º e 3º ciclos são desafiados a serem investigadores por um dia, além de participarem em demonstrações experimentais, visitas guiadas e workshops de biotecnologia. “Bora lá comer as embalagens”, “Clonagem de genes”, “Bactérias que produzem luz”, “O lado negro dos bolores”, “Para que servem os micróbios numa ETAR” ou “O poder das enzimas dos frutos e legumes” são alguns temas a abordar. Há também palestras de quarta a sexta-feira, às 17h, respetivamente com os professores Madalena Alves, António Vicente e Miguel Gama.

 

Já o Departamento de Produção e Sistemas, também da Escola de Engenharia e em estreia, promove o workshop "Gestão Industrial" na segunda-feira, às 14h30, no Instituto de Design de Guimarães, e na quinta-feira, à mesma hora, no auditório do IPDJ de Braga. O objetivo é dar a conhecer as competências necessárias para ser um engenheiro e gestor industrial, através de exemplos práticos em áreas como ergonomia, estatística e investigação operacional.

Atividade na Escola de Ciências da Saúde da UMin

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:13

Poster.png

Programa.png

 

A Escola de Ciências da Saúde da Universidade do Minho, em Braga, acolhe este sábado o 1º Congresso Nacional de Investigação em Educação Médica. A iniciativa visa divulgar os principais projetos na área, perspetivar trabalhos conjuntos e incentivar o debate entre a centena de docentes, cientistas, profissionais e alunos presentes.

 

A sessão de abertura conta às 9h00 com a presença prevista do vice-reitor Rui Vieira de Castro; do diretor do ICVS - Instituto de Investigação em Ciências da Vida e Saúde, Jorge Pedrosa; do diretor do curso de Medicina da UMinho, Nuno Sousa; e do professor Manuel João Costa, pela Rede de Investigação em Educação Médica.

 

O programa inclui 28 comunicações livres, 41 posters, a apresentação da iniciativa “BEME Collaboration” e destaca em particular as intervenções de Peter McCrorie (Universidade de Londres), Luiz Troncon (Universidade de São Paulo), Madalena Patrício (Universidade de Lisboa) e Jordi Palés (Universidade de Barcelona), que vão abordar nomeadamente como funcionam as comunidades de educação médica no Reino Unido, Brasil e Espanha.

 

Esta é a primeira iniciativa organizada pela Rede de Investigação em Educação Médica. Trata-se de uma rede informal multi-institucional que nasceu em 2010 a partir da UMinho e que reúne largas dezenas de investigadores e interessados na área. O evento tem ainda apoio da academia minhota, através da spin-off iCognitus4All, da Escola de Ciências da Saúde, da associação Alumni Medicina e do laboratório associado ICVS/3B's, entre outros parceiros. O site oficial é http://investigacaoemeducacaomedica.weebly.com.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:12


FIAT UNO ROUBADO EM REGADAS APARECEU EM CEPÃES

por JORNALdeFAFE, em 21.11.14

17673045_bTpKn.jpeg

 Uma semana depois do roubo do Fiat Uno, que deixou toda a população em Regadas alarmada pala onda de assaltos em várias ruas daquela freguesia, o carro apareceu na noite de ontem junto ao campo de futebol de Cepães.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:56


HOSPITAL DE FAFE EM DEBATE, HOJE, TEATRO-CINEMA

por JORNALdeFAFE, em 21.11.14

convite.png

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 10:46


Like box


Mais sobre mim

foto do autor




calendário

Novembro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D


subscrever feeds