Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


XCO_Fragoso_2016.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:43

2015-09-06-Convivio-Macieira-Barcelos-0951.jpg

 

"Portugal precisa de uma maioria clara

que dê estabilidade para reformar

e colocar o país a crescer cada vez mais"

 

 

 

O cabeça de lista da Coligação Portugal à Frente no distrito de Braga, Jorge Moreira da Silva, disse hoje, em Macieira de Rates, Barcelos, que "Portugal precisa de uma maioria clara, que dê estabilidade para reformar e colocar o país a crescer de uma forma cada vez maior e sustentável".

“Os portugueses devem refletir sobre qual é a maioria que querem ter, se uma maioria de progresso do PSD e do CDS, se uma dos socialistas, pois é sabido que votar PS pode significar PCP ou Bloco de Esquerda", alertou Moreira da Silva.

O candidato da coligação PSD(/CDS-PP falava no final de um convívio da população local – composta maioritariamente por produtores de leite - e que contou ainda com a participação dos candidatos  Telmo Correia, Joel Sá, Clara Marques Mendes, Jorge Paulo Oliveira e Vânia Silva e os líderes  concelhios do PSD e do CDS de Barcelos, José Novais e António Ribeiro.

 Na ocasião, Jorge Moreira da Silva, que é ainda ministro do Ambiente, lembrou que “o país não tem condições para repetir erros do passado", frisando que “o PS não aprendeu nada com os seus erros, e quem assim é tende a repeti-los”.

“O que o PS diz é que vamos voltar ao défice e à dívida, e isso é um regresso ao período anterior a 2011”, avisou.

 Já o líder do CDS/PP na lista da coligação, Telmo Correia, lembrou o caso da Grécia, onde o governo de esquerda do Syriza – frisou – prometeu não cumprir os compromissos europeus, mas retrocedeu em toda a linha em prejuízo dos gregos: “o que está em causa nestas eleições é votar na Coligação, no retomar do crescimento e progresso, ou no PS que pode levar, pela primeira vez em Portugal, as forças radicais de extrema-esquerda ao poder, o que porá em causa o que foi conseguido nos últimos anos”.

“Não fomos nós que levámos o país à bancarrota, não fomos nós que assinámos o memorando e trouxemos a troika e a austeridade”, assinalou, frisando que, em contraponto, foi a Coligação que "conseguiu pôr Portugal a crescer, com novas empresas a nascer diariamente, as exportações a aumentar e a agricultura a modernizar-se”. “Estamos nestas eleições de cabeça erguida”, sublinhou.

 

2015-09-06-Convivio-Macieira-Barcelos-1080.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:37

XCO_Fragoso_2015.jpg

A freguesia de Fragoso, em Barcelos, recebe no dia 1 de março o Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros. O 3º BTT XCO de Fragoso pontuará também para a Taça Inter-Regional do Minho e Porto.

Promovida em conjunto pela Associação de Ciclismo do Minho e Lamaceiros TT, a segunda prova do Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros será aberta à participação (além das categorias de competição também pontuáveis para a Taça Inter-Regional do Minho e Porto) de todos os interessados que poderão participar integrados na categoria de promoção.

Na véspera da competição (28 de fevereiro) será promovido no mesmo local o 1º BTT Desporto Escolar de Fragoso que contará com a participação de estabelecimentos de ensino das Coordenações Locais de Desporto Escolar de Braga, Viana do Castelo, Porto e Entre Douro e Vouga.

O programa do 3º BTT XCO de Fragoso começará com um período para treinos entre as 10 e as 12h00, realizando-se a partir dessa hora as atividades para pupilos, benjamins e iniciados. Pelas 14 horas começará a prova para infantis, juvenis, cadetes, femininos (sub 23/elites e master), paraciclismo e promoção e às 15h30 a corrida de juniores, elites/sub 23 e masters. A cerimónia protocolar está prevista para as 17h30. A participação na prova é gratuita para atletas federados sendo também aberta à participação na vertente de promoção (custo de inscrição inclui seguro de acidentes pessoais). O secretariado para confirmação de inscrições abrirá às 10 horas e as inscrições devem ser efetuadas através do email geral@acm.pt.

O 3º BTT XCO de Fragoso tem o apoio da Junta de Freguesia de Fragoso, Federação Portuguesa de Ciclismo, Mapfre | Seguros, Cision, Arrecadações da Quintã, Raiz Carisma, Bike Magazine (revista oficial), acmTV (www.acmtv.pt) e do comércio e industria local.

Fragoso estreou-se no Campeonato do Minho de BTT XCO em 2013 apresentando uma pista que chamou à freguesia barcelense muito público e perto de duas centenas de atletas. Na última edição da prova venceram José Dias (elites), Joana Monteiro (femininos), Diogo Vigo (juniores), Hélder Braga (masters 30), Mário Fernandes (masters 40), João Araújo (masters 50), João Rocha e Marta Branco (cadetes), Vinício Rodrigues e Raquel Queirós (juvenis), Gonçalo Magalhães e Ana Satos (infantis), Paulo Fernandes e Sara Ferreira (iniciados), David Ferreira e Mariana Magalhães (benjamins), José Pedroso (pupilos) e Mário Ferreira (promoção). Coletivamente triunfaram ASC/Bike Zone (competição) e Escola BTT Matosinhos (escolas).

 

ACM no Facebook

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:50


Like box


Mais sobre mim

foto do autor




calendário

Julho 2019

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D