Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Henedina Antunes.jpg

Os celíacos não consomem diversos cereais com gl

A Escola de Ciências da Saúde da Universidade do Minho está a fazer o primeiro estudo sobre a prevalência de doença celíaca em Portugal. A colheita já iniciou em escolas de Portugal continental e ilhas, junto dos adolescentes e pais. Os resultados chegam em meados deste ano. A coordenação é da professora Henedina Antunes, com o apoio de Nuno Saldanha, finalista do mestrado integrado em Medicina da UMinho.

 

A iniciativa é aprovada pela Direção-Geral de Saúde, pela Comissão Nacional de Proteção de Dados e pelas comissões de ética. Tem o apoio da Associação Portuguesa de Celíacos e das sociedades portuguesas de Pediatria e de Gastroenterologia Pediátrica.

 

Estima-se que haja 70 a 100 mil casos, isto é, 1 a 3% da população portuguesa. Só existem 10 mil casos diagnosticados, logo muitos desconhecem ter a doença e requer-se ações de sensibilização. O único estudo de prevalência até agora foi na região de Braga, por Henedina Antunes, com um caso para 134 habitantes. O valor segue a média europeia, de um para 100 a 200 habitantes.

 

A doença celíaca não tem cura e deve-se à intolerância alimentar ao glúten, provocando inflamação no intestino delgado a milhões de pessoas no mundo. O glúten é um fragmento proteico presente no trigo, centeio, aveia, cevada e, por sua vez, em alimentos como pão, massas, bolachas e papas. Os sintomas podem surgir na infância ou só na idade adulta.

 

Henedina Antunes, também cientista do ICVS – Instituto de Investigação em Ciências da Vida e Saúde (laboratório associado ICVS/3B’s) e pediatra do Hospital de Braga, é uma das principais peritas e entusiastas na área. Num ano, lançou o livro “Medicina da evidência na doença celíaca”, promoveu a 2ª Reunião Científica Nacional de Doença Celíaca, a 18ª festa consecutiva de celíacos no Minho (incluindo os respetivos familiares e amigos), codirigiu uma mesa redonda na 15ª Semana Digestiva no Porto e, entre outras iniciativas, coorganiza a 7 de abril de 2016, Dia Mundial da Saúde, em Braga, o Congresso Nacional sobre a Doença Celíaca, com apoio da Sociedade Portuguesa de Gastroenterologia Pediátrica.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:47



Like box


Mais sobre mim

foto do autor




calendário

Janeiro 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D